Players 25807 Views

  • Assistir Trailer
  • Drive
Sweet Boy – Legendado

Sweet Boy – Legendado

Jul. 21, 2016Tailândia104 Min.Legendado
Your rating: 0
7.3 53 votes
what going on?

Sinopse

Nack é um garoto de 17 anos que dedica seu tempo apenas estudando. Ao começar seu último ano do ensino médio, ele começa a se sentir-se muito solitário e pressionado. À medida que a formatura e a prova de admissão se aproximam, ele começa a aprender sobre sexo e amor pela primeira vez em toda sua vida , so que esse tipo de amor é homossexual , e por causa disso terá que enfrentar vários problemas relacionado s ao preconceito envolvido nisso, o que será que acontecera?

Sweet Boy – Legendado
Nome Original สวีทบอย
TMDb Rating 6 2 votes
Compartilhe66

Assista Também

Onde está agora, João Pedro Rodrigues?
Amores Urbanos
Five Dances
Suicide Room (Sala Do Suicídio)
Kes
Beira-Mar
O Beijo da Mulher Aranha
Sukitomo
The Passenger
Marvin
Doushitemo Furetakunai
Vive L’Amour (Ai qing wan sui)

(7) comments

  • Fox 9 de outubro de 2017 Responder

    Filme todo muito lindo. (Editado por conter Spoiler.)

  • Felipe Miranda 14 de abril de 2019 Responder

    Gostei do fiome.

  • Kadu 21 de abril de 2020 Responder

    Muito bom o filme .

  • allan ridge 21 de abril de 2020 Responder

    O filme é o o que o que o personagem tíitulo é. E´doce, meigo, como o personagem que o ator faz muito bem! Nota 8. Faltou resolver algumas questões de roteiro, mas super recomendo!!

  • Zayn1996 24 de abril de 2020 Responder

    Amei do começo ao fim.

  • Ricaro 1 de maio de 2020 Responder

    Os trejeitos o Petch são muito ilários e a música-tema dele faz da cena um tanto cômica. Mas ficou fofo.

  • Ricaro Cosata 1 de maio de 2020 Responder

    Refazendo o comentário…

    Engraçado como as coisas simples e tolas – sim, aquelas que agente pensa: puxa não acredito que estou fazendo, ou vendo, isso – são necessárias e agente, simplesmente, deixa de lado, muitas vezes, para viver numa amargura interminável, a aceitar que coisas infantis, ou inocente – quiçá – são importantes, também.

    Tou refletindo acerca disso, pois, muitas vezes, me senti meio tolo por achar as brincadeiras retratadas no filme bem inocentes e, puxa vida, tentei sair da minha redoma de adulto (uma desgraça por sinal) pra ver de forma mais simples e nostálgica as ações deles. E puxa vida, mais uma vez, que saudade de estar inocente das coisas e só ‘ser’, sem me preocupar com o que vai ser dos minutos seguintes.

    Ademais, não é uma reflexão profunda do filme por completo. Aliás, ainda não terminei de assistir. Mas, putz, dá saudades da juventude. Àqueles que tiveram uma infância digna de ser lembrada, sintam-se abraçados. E aos que não tiveram essa oportunidade – quem sabe – não seja tarde demais.

Deixe um comentário

Name *
Add a display name
Email *
Your email address will not be published
Website