o que está acontecendo?
Land of Storms (Viharsarok)

Land of Storms (Viharsarok)

Feb 08, 2014 Hungria 105 Min. Legendado
Sua avaliação: 0
7.3 201 votes

Trailer

Sinopse

Szabolcs, um jovem jogador de futebol húngaro, joga para um time alemão e tem uma boa amizade com seu colega de quarto Bernard , depois de perder um jogo e brigar com Bernard , Szabolcs decide voltar para a Hungria. Em busca de um novo começo na vida, então conhece Áron, um aprendiz de pedreiro da aldeia vizinha, juntos eles renovam a fazenda em ruínas e em pouco tempo a relação de amizade vai se transformando em um caso de amor.

Land of Storms (Viharsarok)
Land of Storms (Viharsarok)
Land of Storms (Viharsarok)
Land of Storms (Viharsarok)
Land of Storms (Viharsarok)
Land of Storms (Viharsarok)
Land of Storms (Viharsarok)
Land of Storms (Viharsarok)

 
Nome Original Viharsarok
Qualificação IMDB 6.9 1,711 Votos
Qualificação TMDb 7.3 Votos

Assista Também

Sobre Viagens e Amores
Skinning
Test (Teste)
Tirem o Sorriso do Rosto (Hide Your Smiling Faces)
Looping
O casamento de Jenny
Querelle
Another Country (Memórias de um Espião)
No Regret (Sem Remorso)
Para Eric
What Grown-Ups Know
Half a Person

(54) comments

  • Joseph 4 de dezembro de 2016 Responder

    vocês poderiam colocar outras opções de link para baixar não somente o Openload. Adoro o site mas nem sempre consigo baixar pelo Openload.

    • filmesgays 4 de dezembro de 2016 Responder

      Olá Joseph, nosso site e gratuito e usamos sites que ofereçam segurança e qualidade eu vou usar. E Openload e o melhor.

  • Maycon 4 de dezembro de 2016 Responder

    PQP, que filme Lindo!!!!!! Muito bom recomendo demais, me emocionei horrores… Queria um Aron desse.

  • LUAN 5 de dezembro de 2016 Responder

    O filme é muito bom, queria sua uma porção do mel do Szabolcs.
    Não engolir o final. Não entendo a razão pela qual as pessoas montam suas vidas em cima da opinião das pessoas.

  • Michael 7 de dezembro de 2016 Responder

    Nada de lindo! Poderiam ter se tornado caso o preconceito, hipocrisia não fossem tanto, tava até torcendo por eles. Mas esse final traiçoeiro foi um saco! 🙁 ;@ ???

    • Michael 7 de dezembro de 2016 Responder

      Poderia* ?

  • Michael 7 de dezembro de 2016 Responder

    Postem os filmes “I am Michael” e “Interior. Leather Bar”, por favor! Seria muito grato, poxa!

  • Luan 13 de dezembro de 2016 Responder

    Como assim? 90% do filme amado e aqueles 10% querendo me matar por que estou até 01:31 da manhã e me deparo com isso? O filme é Lindo, o amor e tudo, BUT, this the end me deixou perplexo.

    • Ciro 31 de maio de 2018 Responder

      Meu Deus kkk. Eu acabei o filme de 1:31 tbm, o final é realmente surpreendente, eu nunca imaginaria isso, eu diria que acabou um pouco com a essência do filme, já que acaba criando a concepção de que os homossexuais não têm capacidade de manter uma relação. Infelizmente muitos filmes com a temática LGBT acabam dessa forma. Sad

  • Carlos Coelho 27 de dezembro de 2016 Responder

    Gostei do filme.

  • Theo Lima 19 de fevereiro de 2017 Responder

    Muito bom o filme. Bem realizado. Embora bem triste ele nos dá uma chamada para a realidade: ainda está longe o dia em que as pessoas poderão viver livremente as suas sexualidade, suas preferências, suas idiossincrasias, suas vidas num contexto mais amplo e íntimo segundo suas próprias leis-mesmo sem fazerem absolutamente nenhum mal a ninguém.

  • Kaique 19 de março de 2017 Responder

    Já é de se esperar esses finais inusitados. Eu até gosto kkk

  • cadu valencio 16 de abril de 2017 Responder

    O romance é bom e eu recomendo para os amantes do gênero como eu.

  • rodrigo 23 de abril de 2017 Responder

    mt bom filme, gostei demais. ainda mais o final surpresa, aconteceu tudo que tinha pra acontecer no filme, realmente nao foi uma coisa boa o que aconteceu no final, mas se terminasse do jeito que agente espera ia ficar um pouco clichê.. mt bom

  • irom 23 de abril de 2017 Responder

    O FILME ME PEGOU DE JEITO,DESDE O COMERÇO ELE ME SEGOU NAO CONSEGUIA TIRAR OS OLHOS DA TELA DO NOT, ME EMOCIONEI BATANTE ERA UMA PELA HISTORIA.

  • Lucas Gabriel 5 de junho de 2017 Responder

    GENTE, fiquei pasmado com esse filme, ele tem a capacidade de fixar seu olhos no monitor e no final tem um tremendo BOOOOOM….

  • WW 8 de julho de 2017 Responder

    pq todo filme gay tem que ser representado por finais tristes assim ? isso ja esta tao comum que surpresa seria ter um final feliz kkkkkk de vez em quando é bom ter um final feliz né gente….

    • filmesgays 8 de julho de 2017 Responder

      Infelizmente as pessoas buscam filmes que tem atores lindos e perfeitos. Julgam filmes pelas capaz e etc. Muitos filmes antes de 2005 tinham finais que falam sobre a época. Existem muitos filmes com finais felizes e só procurar.

  • Adrianno 17 de julho de 2017 Responder

    gente e esse final

  • Fernando 29 de julho de 2017 Responder

    Adoro filmes assim!

  • Marcos Paulo 3 de agosto de 2017 Responder

    Gente, para eu entender melhor: no final, foi de propósito ou acidental?

    • Tiago 16 de agosto de 2017 Responder

      De propósito :/

  • mirian 17 de agosto de 2017 Responder

    pra mim por proposito o único jeito de Áron na cabeça dele de se livrar desta tão forte e ariscada atração e revelador amor por Szabolcs embora queria um final feliz de ambos, tenho que dar o braço a torcer o filme ficara pra sempre em mim , Esplendido <3

  • John 24 de agosto de 2017 Responder

    O link está quebrado

    • filmesgays 26 de agosto de 2017 Responder

      Olá John, o link foi corrigido com sucesso.

  • Philip 27 de agosto de 2017 Responder

    Que Lindo tão maravilhoso o filme ficara pra sempre em mim <3

  • di di 28 de agosto de 2017 Responder

    legal

  • di di 28 de agosto de 2017 Responder

    mto legal

  • MARCELLO 2 de setembro de 2017 Responder

    Que bicha enrustida, traiçoeira.

    • kater hoon 12 de março de 2018 Responder

      Pensei isso tbm,precisei assistir mais algumas vezes pra ver o que realmente tinha acontecido….

  • Henrique 11 de setembro de 2017 Responder

    Que raaaaiva, queria final feliz, ao mesmo tempo que ficamos com raiva fico impactado, nem todos os finais são felizes mesmo.

  • Barão vermelho 11 de outubro de 2017 Responder

    Belíssimo filme, agradeço ao site por nos disponibilizar essa experiência.

  • Diego 15 de outubro de 2017 Responder

    Esperava um final diferente.

  • Marcelo 8 de novembro de 2017 Responder

    Para mim, o final se resume a não aceitação da homossexualidade.

  • Alexandre 12 de novembro de 2017 Responder

    Acabei de conhecer o site..estou amando, vou começar assistindo esse..nem sei por qual começar rsrs parabéns ao dono do site e seus colaboradores!!!!!!!

  • Rafael Neto 11 de dezembro de 2017 Responder

    Filme ótimo, mas que final foi esse? PQP que merda. Parabéns aos administradores do site, é maravilhoso e Obrigado!

  • Dr Smith 17 de janeiro de 2018 Responder

    É um filme vivo onde a luta pela natureza de cada um é sobretudo uma questão de força de vontade e muita persistência. Uns nem tentam enquanto outros desistem na metade do caminho…e o filme é sobre todo esse processo. E como é lindo vermos o amor entre dois (homens)…….Lindo !!!!

  • Reinaldo 29 de janeiro de 2018 Responder

    Não acredito o filme é lindo. [Editado por conter spoiler.]

  • Samuel 14 de fevereiro de 2018 Responder

    Amei o filme, foi tudo muito bem contextualizado: o cenário da pequena cidade que representa uma sociedade pouco evoluída ideologicamente permanecendo sob os domínios dos dogmas cristãos. A mãe, ao ver seu filho cometendo “um grave pecado”, tem sua fraca saúde afetada. Quando ele percebe que a mãe adoeceu ele volta à sua própria realidade e logo em seguida vai à igreja onde seu plano se concretiza: voltar aos trilhos do tradicionalismo. A única forma que ele encontrou de realizá-lo foi matando o seu amante.

    • kater hoon 14 de março de 2018 Responder

      Como aconteceu comigo ao assistir a primeira vez eu não entendi,veja mais algumas vezes vc verá que não é isso que acontece….

  • William 18 de março de 2018 Responder

    Que final em….magnífico,, ??antes ele tivesse…ido com o amigo dele,que ele n teria um final…tão trágico, filme muito bonito…mais porém com um final de quero mais!!!

  • Bruno 2 de abril de 2018 Responder

    Mano lindo filme a história e tudo mais!!!
    Cara mais esse final me chocou muito. ??

  • Anandio Silva 2 de abril de 2018 Responder

    ??? é uma história boa {editado por conter spoiler} como um pessoa pôde aceita como é ou fugir de ser mesmo .. confiança é escolha temos mais deixamos passar

  • maurilio castilho 25 de abril de 2018 Responder

    Amei demais o filme, deu pra sentir cada nuance nos sentimentos, todo o conflito a angustia o medo e acima de tudo o arrependimento pelo escolha “errada”, ótimo filme.

  • Dener 30 de abril de 2018 Responder

    Estou sem palavras para esse filme!
    Conseguiram passar todos os sentimentos. Uma linda história de amor e drama.

  • Dener 30 de abril de 2018 Responder

    Queremos mais, pois era evidente que ele o amava e mesmo assim fez o que fez

  • sender 9 de maio de 2018 Responder

    O final é uma metáfora… Não houve homicídio. Aquilo foi uma forma do diretor dizer que o Aron não ficou com Szabolcs, mesmo esse tendo optado por ele em detrimento do amigo…

  • JOSE DE BARROS DE NETO 18 de maio de 2018 Responder

    Eu confuso com o final. Nao visualizei outra coisa a não ser o Aron matando ele pra se livra do pecado e conseguir viver uma vida “normal. Pelo amor de Deus alguém me diz se viu outra coisa… ja revi esse final mil vezes, olhando as mais, os movimentos e tentando ver se tinha algo diferente… nao vi nada. Se for uma metáfora até entendo…

    • Guilherme Assis 22 de julho de 2018 Responder

      Só pra contextualizar, o filme é baseado em fatos reais, logo o final foi o que realmente aconteceu. Em entrevista o diretor Ádam Császi relata que o Áron, assassinou o Szabi, e o final do filme foi “maqueado” porque em circunstâncias reais, o Áron esquartejou e queimou o seu amante, após a investigação, o mesmo confessou e está preso até hoje. Percebem que no final ao sair da casa ele sai correndo limpo, sem nenhuma gota de sangue. Embora as investigações fossem concluídas, mas sempre pairou a dúvida de quem realmente cometeu o crime, os rapazes vizinho de Áron? O pai do garoto? Bom, quem quiser saber mais, pesquisa “Land of storm final explained” ou “Land of storm Ádam Császi end explained” que tem um monte de entrevistas do próprio diretor, em inglês. Adorei o filme, super recomendo.

  • Ciro 31 de maio de 2018 Responder

    Spoiler Alert
    Este filme é sobre o jovem e bonito rapaz húngaro Szabolcs que joga em um time de futebol alemão. Um dia depois de um jogo perdido e uma briga com seu amigo Bernard, ele decide voltar para seu país de origem. Ele herdou uma casa velha e em ruínas e decide renová-la. Uma noite, um rapaz chamado Áron tenta roubar sua moto. Ele pega ele, mas eles acabam sendo amigos ou algum tipo de “amantes” e renovam a casa juntos. Áron está lutando pesadamente com seus sentimentos As pessoas da vizinhança ficam sabendo sobre seu relacionamento e começam a assediar os dois garotos. Eu tenho um duplo sentimento depois de ver este filme. Por um lado, é bem dirigido, o cenário é adorável, os garotos são bem bonitos (eles são até mesmo a metade do filme) e as cenas de amor são tocantes, os diálogos são escassos mas suficientes. Por outro lado, esse é um dos tantos filmes gays negativos. Nós vimos a história uma e outra vez. Eu sei que ainda há muitos preconceitos contra as pessoas LGBT na Europa Oriental e em muitas outras partes do mundo, mas este filme não tem quase nenhuma imagem positiva nele. É principalmente deprimente e negativo. Como o diretor queria dar a mensagem: se você é gay você vai acabar vivendo ou morrendo miseravelmente e todo mundo vai te odiar. Por que há tão pouco filmes LGBT positivos? Por que é sempre sobre homofobia, difícil sair, um dos amantes não excetuando seus sentimentos.

  • Jose 5 de junho de 2018 Responder

    Realmente é muito difícil acha um filme LGBT com final feliz….mais esse filme é meio louco, mais gostei muito dele.

  • Wagner Kun 26 de junho de 2018 Responder

    Nossa véi, não sei nem oque dizer.

  • gerson carvalho 25 de julho de 2018 Responder

    Mas o filme foi bom.

  • twitter: @merciriih 25 de julho de 2018 Responder

    O contexto do filme é bom, mesmo tendo alguns erros de ligação na história em algumas cenas no início do filme que me deixou à impressão de que o diretor queria chegar logo no foco maior do drama romântico. Esse enfoque maior no romantismo dos personagens do que no conflito existencial do personagem Aron, acredito que tenha sido proposital para que após o desfecho chocante e trágico, nós, fizéssemos uma análise profunda da história e percebêssemos o quanto era perigo, complexo e frustrante para um homem gay-religioso do campo se aceitar e assumir seus sentimentos em meio a tanta homofobia. Confesso que assim como muitos, eu esperava um final feliz! #Triste

    Minha nota para o filme é 7.

Deixe um comentário.

Nome *
Add a display name
Email *
Your email address will not be published
Website